atendimento@kalf.com.br

+55 (011) 4223-6355

Como transportar crianças na bicicleta

As cadeirinhas infantis permitem até duas crianças por bike e se apresentam como alternativa segura para locomoção e lazer

Quinta, 24 de agosto de 2017


Transportar crianças em bicicletas torna-se cada vez mais comum na medida em que a cultura de bikes ganha força no Brasil. Isso porque essa prática simplifica a realização de passeios e deslocamentos para atividades do cotidiano, sendo uma opção de lazer com benefícios para toda a família.

Além disso, andar de bicicleta é uma forma inteligente para os pais praticarem exercícios físicos, pois a atividade é feita sem ser necessário abrir mão de ficar com as crianças, possibilitando que o tempo perdido no transito, por exemplo, possa ser usado para praticar atividade física e ter bons momentos em família. Ainda que as crianças não se exercitem diretamente, elas aprendem desde cedo a ter hábitos saudáveis, a conviver com a natureza e a adquirir noções de convívio social.

Em outras palavras, não há programa que seja tão divertido e capaz de unir toda a família quanto andar de bicicleta. Por isso, reunimos abaixo uma série de dicas para garantir a segurança e o conforto dos pequenos durante o passeio. Confira!

Escolha a cadeirinha certa

A alternativa mais simples e segura para transportar crianças na bicicleta é a cadeirinha infantil. Ainda assim, é importante atentar-se a algumas características da criança, como altura, peso e idade, e da bicicleta antes de comprar o equipamento:

  • Os modelos frontais são recomendados para bebês e crianças capazes de sentar sozinhas, com até 15KG (aproximadamente 3 anos). Antes de comprar, certifique-se que sua bike possua o espaço adequado para acomodar o sistema de fixação, que é fixado no cabeçote do quadro.

    Baby Bike

  • Os modelos traseiros são recomendados para crianças maiores, de até 25KG (aproximadamente 5 anos). Nesse caso, a bicicleta precisa ter um bagageiro para fixação do acessório.

    Kid Bike


    Os modelos KALF oferecem itens de proteção, como cinto de segurança, presilhas para os pés, talas de contenção que impedem o contato com as rodas e refletivo traseiro, para possibilitar uma pedalada tranquila, tanto para o pai quanto para a criança.

Siga as recomendações de segurança

Além de uma cadeirinha resistente, a segurança no transporte de crianças em bicicletas demanda uma série de medidas de proteção para pedalar:

  • Certifique-se que a criança estará bem presa. Idealmente, opte por modelos de cadeirinhas com cinto de segurança de três pontos, que proteja os ombros e a cintura;
  • Prenda os pés da criança nas presilhas disponíveis na cadeirinha, evitando que eles entrem em contato com os raios da roda;
  • Mesmo que o uso não seja obrigatório pelo Código Brasileiro de Trânsito, os capacetes evitam lesões em casos de acidentes. Conheça também outros acessórios para garantir a segurança dos pequenos;

    Baby Bike

Não se esqueça de revisar os dispositivos de fixação toda vez que for usar a cadeirinha.

Pedale de forma defensiva

Feita todas as configurações na cadeirinha e na bicicleta, é importante assegurar que tudo ocorra bem durante a pedalada:

  • Treine o transporte em percursos menores e em velocidade de passeio para se acostumar ao peso adicional;
  • Ao adotar a locomoção no cotidiano, opte por trajetos planos, sem muitas inclinações e curvas, pois o sobrepeso limita a capacidade da bike para manobras.
  • Busque rotas mais tranquilas, evitando vias onde tenha que compartilhar espaço com carros.

Planeje sempre o passeio ou o trajeto de locomoção para evitar surpresas. Lembrem-se da hidratação e da alimentação, vistam-se com roupas adequadas à temperatura externa e usem protetor solar.

Seguindo todas essas dicas, a diversão será garantida! Boas pedaladas

Fun Bike



voltar


Comentários